Blog da Cátia Pipoca - Dicas de Concursos Públicos

Por Catia: Meu humor, em resumo, simples assim

Vivo entre tristezas e alegrias. E quem não vive? Assim aprendi a sobreviver nessa Selva que chamamos de mundo. Entre leões e borboletas, sou capaz de admirar o que meus olhos revelam. No pêndulo de uma balança, vou caminhando. Entre lá e cá. Sou plena em tudo o que escolho! Nunca fico em cima de muros. Gosto ou não gosto. O que descarto me reservo o direito, caso me arrependa, sempre há algo de bom, e eis a lição que se aprende. Nesse jogo, é impossível não me machucar.. Aprendi a desmistificar o ser humano no ponto de vista que creio, principalmente os que me são tão queridos. Não importa se branco, amarelo, pardo ou negro, muito menos a religião que se prega. Se caminham comigo, choram as minhas dores, e no mesmo abraço choro as dores deles. É fundamental ignorar qualquer falha insignificante perto do bem maior, o companheirismo, a lealdade, o amor...Talvez essa forma de enxergar o outro com suas limitações e natureza de controvérsias seja a minha maior expressão de amor! E assim sendo os tenho como um espelho. O reflexo que me faz ver quem de fato sou!








Um comentário:

Samuca disse...

muito legal o que esta escrito no livro.