Blog da Cátia Pipoca - Dicas de Concursos Públicos

Por Catia: Nossos limites e mutações


"Quando compreendermos que vingança, ódio, desespero, inveja ou ciúme são doenças claramente ajustáveis á patologia da mente, requisitando amor e não o revide..."
---
A verdade? (Não é tarefa fácil, agir assim leva tempo, para evoluir é precico passar pelo Fogo, e a maioria de nós teme a transformação) - (Pipoca)
----
"Quando percebermos que os nossos problemas e as nossas dores não são maiores que os de nossos vizinhos..."
--
A verdade? (Infelizmente, por egoísmo talvez, entendemos que toda dor é dolorida e não importa o tamanho, o meu calo sempre dói mais que a do meu vizinho simplesmente porque dói) - Catia Pipoca
-----
"Quando nos certificarmos de que a fogueira do mal deve ser extinta na fonte permanente do bem..."
-----

A verdade? (somos feitos de dois únicos sentidos - o bem e o mal - na verdade é a personalidade que adquirimos ao nascer. Ninguém consegue - neste plano carnal -, ser 100% apenas uma "ação". Crescer, requer perdas, dores, quedas, lágrimas, desconstruções (...)
Os acomodados não evoluem.
-----

"Quando abraçarmos a tarefa da paz, buscando apagar o incêndio da irritação ou da cólera com a bênção do socorro fraternal e abstendo-nos de usar o querosene da discórdia..."
-
A verdade? (Concordo....Somente assim teremos paz. Contudo, errar faz parte. Buscar o equilíbrio não é tarefa simples. Estamos aqui para aprender com nossos próprios erros, e serão eles, lá na frente, que concluirão o círculo do que de fato escolhemos ser.
SER BOM OU RUIM. Ou melhor, escolher qual percentual de um e de outro prevalecerá!!!
----
"Quando, enfim, nos enlaçarmos, na experiência comum, na posição de filhos de Deus e irmãos autênticos uns dos outros, esquecendo as nossas faltas recíprocas e cooperando na oficina do auxílio mútuo, sem reclamações e sem queixas, então, o egoísmo terá desaparecido da Terra, para que o Reino do Amor se estabeleça. Definitivo, em nossos corações."
----
A verdade? PERFEITA conclusão!!!
Quando, enfim, aprendermos, antes de agir, a respeitar o próximo, a entender suas limitações, procurar estar rodeado apenas dos nossos afins, não alimentar os caçadores de mágoas, evitar o que nos faz mal, afastar o máximo que pudermos as más energias e más companhias, ter paciência, saber entender o que Deus pretende para nós e que somos tão falhos. estaremos a passos largo rumo a quase perfeição.
EU DISSE, quase.
Ainda sim vale a pena não ter medo das mudanças.

-
-

Texto entre aspas de :
Chico Xavier/André Luiz
---
Comentários: Catia Pipoca

Um comentário:

Anônimo disse...

Catia Pipoca,

Gostei dessa sua iniciativa de "traduzir" esses textos de famosos.
Assim pessoas como eu que não têm muita sensibilidade podem entender o conteúdo deles com explicações ou analogias simples, por meio das suas interpretações.

Brás