NOVAS REGRAS DO ACORDO ORTOGRÁFICO (RELEMBRANDO...) parte 6

 Bom dia, pessoal!

Terminamos hoje a nossa parte de revisão (hífen). Ufa! rsrsrs  





8. Deve-se usar o hífen com os sufixos de origem tupi-guarani: açu, guaçu e mirim. Exemplos: amoré-guaçu, anajá-mirim, capim-açu.


9. Deve-se usar o hífen para ligar duas ou mais palavras que ocasionalmente se combinam, formando não propriamente vocábulos, mas encadeamentos vocabulares. Exemplos: ponte Rio-Niterói, eixo Rio-São Paulo.


10. Não se deve usar o hífen em certas palavras que perderam a noção de composição. Exemplos: 

girassol
madressilva
mandachuva
paraquedas
paraquedista
pontapé 

11. Para clareza gráfica, se no final da linha a partição de uma palavra ou combinação de palavras coincidir com o hífen, ele deve ser repetido na linha seguinte. Exemplos:
Na cidade, conta-se que ele foi viajar. 
O diretor recebeu os ex-alunos.


Resumo: Emprego do hífen com prefixos: 
Regra básica
Sempre se usa o hífen diante de h:
anti-higiênico, super-homem. 
Outros casos
1. Prefixo terminado em vogal:
• Sem hífen diante de vogal diferente: autoescola, antiaéreo.
• Sem hífen diante de consoante diferente de s: anteprojeto, semicírculo.
• Sem hífen diante de s. Dobram-se essas letras: antirracismo, antissocial, ultrassom.
• Com hífen diante de mesma vogal: contra-ataque, micro-ondas.
2. Prefixo terminado em consoante:
• Com hífen diante de mesma consoante: inter-regional, sub-bibliotecário.
• Sem hífen diante de consoante diferente: intermunicipal, supersônico.
• Sem hífen diante de vogal: interestadual, superinteressante.
Observações
1. Com o prefixo sub, usa-se o hífen também diante de palavra iniciada por sub-região,
sub-raça etc. Palavras iniciadas por perdem essa letra e juntam-se sem hífen: subumano,
subumanidade.
2. Com os prefixos circum e pan, usa-se o hífen diante de palavra iniciada por me vogal: circum-navegação, pan-americano etc.
3. O prefixo co aglutina-se em geral com o segundo elemento, mesmo quando este se inicia por o: coobrigação, coordenar, cooperar, cooperação, cooptar, coocupante etc.
4. Com o prefixo vice, usa-se sempre o hífen: vice-rei, vice-almirante etc.
5. Não se deve usar o hífen em certas palavras que perderam a noção de composição, como girassol, madressilva, mandachuva, pontapé, paraquedas, paraquedista etc.
6. Com os prefixos ex, sem, além, aquém, recém, pós, pré, pró, usa-se sempre o hífen: ex-aluno, sem-terra, além-mar, aquém-mar, recém-casado, pós-graduação, pré-vestibular, pró-europeu. 

Fonte: (http://www.tvcultura.com.br/nossalingua/index.php)

Um ótimo sábado para todos...
Beijos, Iaia.

Um comentário:

CatiaPipoca disse...

Tô anotando todas as dicas. Adorei a imagem.....amei!