CORREIOS: Cespe irá organizar concurso de mais de 8 mil vagas

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) escolheu o Cespe/UnB como organizador do concurso que deverá preencher mais de 8 mil vagas em todo país. O extrato de dispensa de licitação foi publicado na edição desta segunda-feira do Diário Oficial da União. Por se tratar de uma estatal com orçamento próprio, os Correios ficaram de fora da suspensão de concursos anunciada pelo Governo Federal no último mês. Nos próximos dias, a estatal deve divulgar o cronograma e demais detalhes doconcurso, segundo informações de sua assessoria de imprensa.

A seleção será para os cargos de agente de correios, analista de correios, analista de saúde, auxiliar de enfermagem do trabalho, enfermeiro do trabalho, engenheiro de segurança do trabalho, médico do trabalho, etécnico em segurança do trabalho.

O novo concurso vai substituir a seleção anterior, que abriu 6.565 vagas em 2009 e que foi cancelada após inúmeros problemas com a Justiça.

Devolução da taxa - Os mais de 1 milhão de inscritos no edital anterior podem requerer , até 11 de abril, a devolução dos valores referentes ao pagamento da taxa de inscrição, que variavam de R$ 30 a R$ 60.

Para isso, basta que o candidato inscrito compareça em qualquer agência própria dos Correios, munido de documento de identidade com foto (preferencialmente o mesmo utilizado na inscrição) e CPF, caso tenha se cadastrado pela internet. Para facilitar a identificação, o candidato também pode apresentar o comprovante de inscrição. Veja aqui os endereços das agências dos Correios em todo o Brasil.

Histórico

Em 10 de dezembro de 2010 o órgão divulgou um extrato desse novo edital, porém sem especificar a quantidade de vagas.

Em seguida foi realizada uma audiência pública na sede da empresa, em Brasília, para discutir a minuta do edital completo, em que foram coletadas sugestões para aprimorar o processo da seleção e evitar os transtornos ocorridos com o último concurso.

O concurso anterior recebeu 1.064.209 inscrições, sendo 561.546 concorrentes somente para o cargo de carteiro. O número registra a maior quantidade de candidatos da história dos concursos no país.

Por suspeitas de irregularidades no processo de contratação da Fundação Cesgranrio, empresa responsável pela organização dos exames, o Ministério Público Federal do Distrito Federal (MPF/DF) entrou com ação judicial recomendando a anulação do concurso e a devolução das taxas de inscrição a todos os candidatos.

Aline Viana


http://jcconcursos.uol.com.br/Concursos/Noticiario/Cespe-ira-organizar-concurso-dos-Correios-33829

Um comentário:

Iara Cristina disse...

Será que agora este certame vai transcorrer dentro da normalidade? Vamos acreditar que sim. Beijos pessoal...