Blog da Cátia Pipoca - Dicas de Concursos Públicos

SAIU EDITAL MPU!!!!!

2.2 NÍVEL MÉDIO
REMUNERAÇÃO: R$ 3.993,09, dos quais R$ 2.662,06 correspondem
ao vencimento básico e R$ 1.331,03 à Gratificação de
Atividade do MPU - GAMPU.
.
CARGO 46: TÉCNICO ADMINISTRATIVO
REQUISITOS DE INVESTIDURA: Certificado de conclusão
do Ensino Médio.
ATRIBUIÇÕES: Realizar atividades de nível intermediário
que envolvam o suporte técnico e administrativo às unidades organizacionais
do Ministério Público da União, com atuação nas áreas
de controle processual, documentação, informação jurídica, gestão de
pessoas, material, patrimônio, orçamento e finanças, compreendendo
o levantamento de dados, a elaboração de relatórios estatísticos, planos,
programas e projetos; a pesquisa de legislação, doutrina e jurisprudência;
a emissão de relatórios técnicos e informações em processos;
a distribuição e controle de materiais de consumo e permanente;
a elaboração e conferência de cálculos diversos; a elaboração,
revisão, reprodução, expedição e arquivamento de documentos
e correspondências; o atendimento ao público interno e externo
na sua unidade de lotação; o transporte de documentos e processos
a outros órgãos com a respectiva protocolização, se necessário;
a realização de trabalhos que exijam conhecimentos básicos e/ou
específicos de informática; outras atividades de mesma natureza e
grau de complexidade que venham a ser determinadas pela autoridade
superior, bem como atividades acessórias às constantes deste rol.
.
CARGO 47: TÉCNICO DE APOIO ESPECIALIZADO/
CONTROLE INTERNO
REQUISITOS DE INVESTIDURA: Certificado de Conclusão
do Ensino Médio.
ATRIBUIÇÕES: Realizar atividades de nível intermediário
que envolvam o suporte necessário ao desenvolvimento das atividades
de controle interno, compreendendo o levantamento e registro de
dados, exame de documentos, informações em processos, o auxílio
nos trabalhos de fiscalização e na elaboração de relatórios; a realização
de trabalhos que exijam conhecimentos básicos e/ou específicos
de informática; outras atividades de mesma natureza e grau de
complexidade que venham a ser determinadas pela autoridade superior.
CARGO 48: TÉCNICO DE APOIO ESPECIALIZADO/
EDIFICAÇÃO
REQUISITOS DE INVESTIDURA: Certificado de Conclusão
do curso de Técnico em Edificações (nível médio) e registro no
órgão de classe competente.
ATRIBUIÇÕES: Realizar atividades de nível intermediário
que envolvam o apoio para o planejamento, coordenação, supervisão
e execução de projetos de engenharia e arquitetura, bem como atividades
de operação e manutenção de equipamentos e sistemas; a
realização de trabalhos que exijam conhecimentos básicos e/ou específicos
de informática; outras de mesma natureza e grau de complexidade,
que venham a ser determinadas pela autoridade superior.
CARGO 49: TÉCNICO DE APOIO ESPECIALIZADO/ORÇAMENTO
REQUISITOS DE INVESTIDURA: Certificado de Conclusão
do Ensino Médio.
ATRIBUIÇÕES: Realizar atividades de nível intermediário
que envolvam o planejamento e a elaboração da programação orçamentária
e financeira anual, o acompanhamento físico, orçamentário
e financeiro das despesas do Ministério Público da União, suas
Unidades Orçamentárias e/ou Gestoras, com vistas à geração de informações
analíticas; o suporte necessário à elaboração do plano
plurianual, do plano interno, à descentralização de créditos, à elaboração
da proposta orçamentária anual e seus créditos adicionais, do
quadro de detalhamento das despesas e à realização de estudos técnicos
que norteiem melhores alternativas de alocação dos recursos do
Órgão; a realização de trabalhos que exijam conhecimentos básicos
e/ou específicos de informática; outras atividades de mesma natureza
e grau de complexidade que venham a ser determinadas pela autoridade
superior.
CARGO 50: TÉCNICO DE APOIO ESPECIALIZADO/SEGURANÇA
REQUISITOS DE INVESTIDURA: Certificado de Conclusão
do Ensino Médio e Carteira Nacional de Habilitação definitiva
categoria "D" ou "E".
ATRIBUIÇÕES: Executar tarefas de nível intermediário que
envolvam a promoção da adequada segurança pessoal de membros,
outras autoridades, servidores e demais pessoas nas dependências das
diversas unidades do Ministério Público da União, ou externamente,
se for o caso; a fiscalização do cumprimento de normas e procedimentos
de segurança estabelecidos para cada um dos ramos do
MPU, incluindo a supervisão do emprego de vigilância terceirizada; a
entrega de notificações e de intimações relacionadas à atividade institucional;
a localização de pessoas e o levantamento de informações
para as áreas de inteligência e diligências; a condução de veículos
oficiais empregados no transporte de membros e servidores em serviço,
bem como no translado de processos administrativos, judiciais e
...............
.
.
LINK para baixar o edital:http://www.4shared.com/get/gCcfo91o/Edital_MPU_2010.html;jsessionid=3DD295D17E6556DEECE21F3417771E70.dc278


.
.

.
2.4.1.1 O candidato não escolhe nem indica qual o ramo de
sua preferência dentro do MPU. Ele será nomeado em qualquer um
dos Ministérios Públicos que compõem o MPU ou no Conselho
Nacional do Ministério Público.
2.4.1.2 Será excluído do certame o candidato que, ao ser
convocado, não aceitar ser admitido na unidade indicada pelo
MPU.
2.4.2 No ato da inscrição, o candidato deverá indicar 3 (três)
localidades de preferência dentro da Unidade de Federação (UF) para
a qual concorre, exceto para o Distrito Federal, para fins de lotação,
conforme Anexo I - Quadro de Vagas e demais condições deste
edital.
2.4.2.1 As 3 (três) opções indicadas pelo candidato no ato da
inscrição são meras indicações para conveniência da Administração e
não geram direito à lotação na localidade indicada.
2.4.2.2 Os candidatos serão lotados de acordo com as opções
e sua classificação. Havendo impossibilidade de lotação de acordo
com as opções, os candidatos serão alocados de acordo com o interesse
da Administração Públic







.
6.2.1 As provas objetivas e a prova discursiva para os cargos
de Técnico (exceto para os cargos de Técnico de Apoio Especializado/
Segurança e de Técnico de Apoio Especializado/Transporte)
terão a duração de 5 horas e serão aplicadas na data provável de 12
de setembro de 2010, no turno da tarde.
==
7.1 As provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório,
valerão 150,00 pontos e abrangerão os objetos de avaliação
constantes do item 16 deste edital.
7.2 Cada prova objetiva será constituída de itens para julgamento,
agrupados por comandos que deverão ser respeitados. O
julgamento de cada item será CERTO ou ERRADO, de acordo com
o(s) comando(s) a que se refere o item. Haverá, na folha de respostas,
para cada item, dois campos de marcação: o campo designado com o
código C, que deverá ser preenchido pelo candidato caso julgue o
item CERTO, e o campo designado com o código E, que deverá ser
preenchido pelo candidato caso julgue o item ERRADO.
7.3 Para obter pontuação no item, o candidato deverá marcar
um, e somente um, dos dois campos da folha de respostas.
==
8 DA PROVA DISCURSIVA (exceto para os cargos de Técnico
de Apoio Especializado/Segurança e de Técnico de Apoio Especializado/
Transporte)
8.1 A prova discursiva valerá 10,00 pontos e consistirá na
elaboração de texto, com no máximo 30 linhas, acerca de temas da
atualidade para os cargos de Técnicos e temas específicos para os
cargos de Analistas.
8.2 A prova discursiva tem o objetivo de avaliar o conteúdo
- conhecimento do tema, a capacidade de expressão na modalidade
escrita e o uso das normas do registro formal culto da Língua Portuguesa.
8.3 A prova discursiva deverá ser à mão, em letra legível,
com caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente,
não sendo permitida a interferência e/ou a participação de
outras pessoas, salvo em caso de candidato que tenha solicitado
atendimento especial para a realização da prova. Nesse caso, se houver
necessidade, o candidato será acompanhado por um agente do
CESPE/UnB devidamente treinado, para o qual deverá ditar o texto,
especificando oralmente a grafia das palavras e os sinais gráficos de
pontuação.
8.4 A folha de texto definitivo da prova discursiva não poderá
ser assinada ou rubricada nem conter, em outro local que não o
apropriado, qualquer palavra ou marca que a identifique, sob pena de
anulação da prova. A detecção de qualquer marca identificadora no
espaço destinado à transcrição do texto definitivo acarretará anulação
da prova.
===
12 DA NOTA FINAL NO CONCURSO
12.1 A nota final no concurso para os cargos de Analista e
de Técnico, exceto Técnico de Apoio Especializado/Segurança e de
Técnico de Apoio Especializado/Transporte, será a soma algébrica da
nota final obtida nas provas objetivas P1 e P2 e da nota final na prova
discursiva P3.
12.2 A nota final no concurso para os cargos de Técnico de
Apoio Especializado/Segurança e de Técnico de Apoio Especializado/
Transporte será a nota final obtida nas provas objetivas P1 e
P2.
12.3 Os candidatos serão ordenados, de acordo com os valores
decrescentes da nota final no concurso público, por cargo/
área/UF de vaga.
12.4 Os candidatos que tiveram a inscrição deferida para
concorrerem na condição de portadores de deficiência, se forem considerados
portadores de deficiência e não forem eliminados do concurso,
terão seus nomes publicados em lista à parte e figurarão também
na lista de classificação geral por cargo/área/UF de vaga.
12.5 O CESPE/UnB disponibilizará o boletim de desempenho
nas provas no endereço eletrônico: http://www.cespe.
unb.br/concursos/mpu2010, após a publicação da homologação do
concurso no Diário Oficial da União. A consulta se dará com a
utilização do número do CPF, de inscrição do candidato e a senha. O
referido boletim ficará disponível até quinze dias corridos da data de
publicação da homologação do resultado final do concurso público.
12.5.1 Após o prazo determinado no subitem anterior, não
serão aceitos pedidos de disponibilização do boletim.
12.6 Não serão fornecidos atestados, declarações, certificados
ou certidões relativos à habilitação, não habilitação, classificação,
não nomeação, quantitativo de candidatos nomeados, ou nota de candidatos,
valendo, para tal fim, a publicação do resultado final no
Diário Oficial da União, bem como o boletim de desempenho disponível
no endereço eletrônico do CESPE/UnB.
13 DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE
13.1 Em caso de empate na nota final do concurso, terá
preferência o candidato que, na seguinte ordem:
a) tiver idade igual ou superior a sessenta anos, até o último
dia de inscrição neste concurso público, conforme o parágrafo único
do artigo 27 do Estatuto do Idoso;
b) obtiver a maior nota na prova objetiva de Conhecimentos
Específicos (P2);
c) obtiver o maior número de acertos na prova objetiva de
Conhecimentos Específicos (P2);
d) obtiver o maior número de acertos na prova objetiva de
Conhecimentos Básicos (P1).
13.1.1 Persistindo o empate, terá preferência o candidato
mais idoso.
=
14 DOS RECURSOS
14.1 Os gabaritos oficiais preliminares das provas objetivas
serão divulgados na Internet, no endereço eletrônico http://www.cespe.
unb.br/concursos/mpu2010, a partir das 19 horas da data provável
de 14 de setembro de 2010.
14.2 O candidato que desejar interpor recursos contra os
gabaritos oficiais preliminares das provas objetivas disporá de dois
dias para fazê-lo, a contar do dia subsequente ao da divulgação desses
gabaritos, no horário das 9 horas do primeiro dia às 18 horas do
último dia, ininterruptamente, observado o horário oficial de Brasília/
DF.
14.3 Para recorrer contra os gabaritos oficiais preliminares
das provas objetivas, o candidato deverá utilizar o Sistema Eletrônico
de Interposição de Recurso, no endereço eletrônico http://www.cespe.
unb.br/concursos/mpu2010, e seguir as instruções ali contidas.
14.4 O candidato deverá ser claro, consistente e objetivo em
seu pleito. Recurso inconsistente ou intempestivo será preliminarmente
indeferido.
14.5 O recurso não poderá conter, em outro local que não o
apropriado, qualquer palavra ou marca que o identifique, sob pena de
ser preliminarmente indeferido.
14.6 Se do exame de recursos resultar anulação de item
integrante de prova, a pontuação correspondente a esse item será
atribuída a todos os candidatos, independentemente de terem recorrido.

3 comentários:

Anônimo disse...

Obrigada..

Anônimo disse...

qual a media de pontos para classificar para o teste fisico do mpu 2010 transporte

Anônimo disse...

O candidato tem acesso à prova discursiva corrigida do MPU 2010?