O valor do tempo (Motivação)





Você conhece algum ditado que fale sobre a pressa? E sobre o tempo?
Com certeza já ouviu:
A pressa é inimiga da perfeição.
Tempo é dinheiro.
Se pensou em outro ditado, poderá registrá-lo no comentário.
Mas, quando falamos em tempo, qual a sensação que você tem sobre ele?
A impressão que eu tinha até bem pouco tempo atrás era de que a velocidade com que os anos passavam estava aumentando. Agora essa impressão é de que os meses estão ”voando”! Já estamos em abril!
Sem falar da nossa agenda diária. Você está conseguindo cumprir tudo o que tem planejado dentro do seu cronograma? Tem percebido que faltam horas no final do dia... dias no final do mês? Será que estamos dando o devido valor às atividades e às pessoas dentro das 24h que temos ao nosso dispor?
Segue um texto bem interessante que encontrei na internet.
Imagine que você seja cliente de um banco e toda manhã ao acordar tenha em sua conta corrente um saldo de R$ 86.400,00. 
Esse banco chama-se "TEMPO”. Cada manhã você é beneficiado com um crédito de 86.400 segundos...
A má notícia, contudo, é que todas as noites o saldo é zerado mesmo que não tenha conseguido gastá-lo durante o dia. Não há volta.
Como investir nesse tempo que é creditado?
Invista nas melhores ações... em sua vida pessoal, familiar, profissional, com amigos e principalmente priorize as pessoas que o valorizam... e seu retorno será garantido. Não esqueça... o relógio está correndo...
E para ter absoluta certeza dos melhores investimentos ...
Pergunte a um estudante que reprovou o ano escolar... o valor de "um ano"...
Pergunte a uma mãe que teve seu bebê prematuramente... o valor de "um mês"...
Pergunte ao editor de um jornal semanal... o valor de "uma semana"...
Pergunte aos amantes que estão esperando o momento de se encontrar... o valor de "uma hora"...
Pergunte a uma pessoa que perdeu um trem... o valor de "um minuto"...
Pergunte a uma pessoa que conseguiu evitar um acidente... o valor de "um segundo"...
Pergunte a alguém que venceu a medalha de ouro em uma olimpíada... o valor de "um milésimo de segundo.
Valorize cada momento que você tem !
Avalie seus compromissos... defina prioridades... mantenha o foco em seu objetivo... livre-se dos maus hábitos que o levam ao desperdício do seu tempo.
Valorize, principalmente, as pessoas que tornam seu tempo especial... porque elas, sim, irão ajudar você a investir sabiamente em suas ações.
O tempo passa rápido demais... não fique no acostamento pedindo coragem para a vida !!!
Agradeço o tempo que investiu nesta leitura. Que seja de valor para a sua vida.

Beijos, Luciene Lima. 



Qual marca você quer deixar no mundo? (Motivação)


Quando eu não estiver mais aqui quero ser lembrada pelas minhas palavras, pela minha sensibilidade em falar sobre sentimentos, pela minha vontade de transmitir histórias poderosas por meio da escrita. É essa a marca que quero deixar.
O universo ainda é muito misterioso e capaz de gerar inúmeras angústias no ser humano. Não entendemos completamente as razões de estarmos aqui neste exato momento e nem temos total consciência do nosso propósito. Afinal, por que nós? Bom, posso dizer por mim que existir por existir nunca foi o suficiente. Por mais que eu sofra com tantas angústias e questionamentos sobre a nossa origem e para onde de fato estamos caminhando, tenho certeza de que é preciso fazer dessa jornada algo significativo. Eu simplesmente não consigo me contentar com uma rotina de ir e voltar para o trabalho durante os cinco dias úteis da semana, sair com amigos e familiares no fim de semana e ficar chateado no fim de domingo pelo início de mais uma longa semana. Isso é o básico. Todo mundo faz isso. 

O que eu quero saber é qual marca você quer deixar no mundo. Pelo o que você quer ser lembrado quando não estiver mais aqui fisicamente?

Não me entenda errado. Para sermos lembrados não precisamos ser celebridades, descobrir a cura de uma doença rara ou inventar um novo produto. Não é nada disso. Para sermos lembrados precisamos ser impactantes e relevantes, mesmo que seja em um pequeno círculo de pessoas. Não é necessário ser famoso, milionário ou um profissional extremamente bem-sucedido. É preciso ser você mesmo e fazer com o coração aquilo que está destinado a fazer. Sim, isso está diretamente relacionado ao seu propósito, a sua vontade de realizar ou alcançar alguma coisa. É aquele gás para enfrentar o dia a dia. Isso o torna extremamente singular e poderoso. E todas as vezes que o seu propósito for colocado em movimento você estará deixando uma marca no mundo. Uma marca genuína e pura, pois vem de dentro, vem do coração.

 Não importa se será escrevendo poemas, compondo músicas, fazendo trabalho voluntário, praticando a empatia, fundando uma startup, distribuindo comida para os desabrigados, descobrindo coisas que ninguém descobriu, ou qualquer outra coisa. O que importa é você ter a certeza de que está deixando uma herança para este mundo que, algum dia, irá continuar rodando sem você.

É isso o que me motiva. Ter a certeza de que o meu tempo aqui é significativo de alguma forma e tem um impacto relevante para aqueles que estão ao meu redor (e até alguns que não estão exatamente ao meu lado).

No final de cada dia sei que a marca que quero deixar no mundo por meio da escrita está cada vez mais fortalecida, caso contrário, essa jornada não estaria fazendo o menor sentido para mim. Quando eu não estiver mais aqui quero ser lembrada pelas minhas palavras, pela minha sensibilidade em falar sobre sentimentos, pela minha vontade de transmitir histórias poderosas por meio da escrita. É essa a marca que quero deixar.  

E você? Qual marca quer deixar no mundo?

Fonte: https://osegredo.com.br/qual-marca-voce-quer-deixar-no-mundo/

Beijos, Luciene Lima.



Insista, persista e nunca desista (Motivação)





A Motivação faz você começar, mas só a persistência faz você continuar e alcançar.
Tentar é persistir sempre. E para se atingir resultados expressivos ou se atingir ao topo, a disciplina é ainda mais importante que a motivação.
Vejo pessoas que estão sempre motivadas, que demonstram positividade, mas que muitas vezes desistem no meio do caminho.
Que dizem: ¨eu quero muito vencer na vida¨, ¨eu quero mudar minha carreira¨, ¨eu quero atingir a meta de atingir meu peso ideal¨ ou ¨ eu desejo ter uma vida melhor¨. Mas a maioria não está realmente disposta a pagar o preço.
Primeiro tem que saber onde realmente quer chegar. Porque se você não sabe que caminho tomar, qualquer rumo serve. Tem que ser específico.
Sim, porque a vida não é fácil! O caminho muitas vezes é longo. E quem não está disposto a realizar o fundamental, a abrir mão de coisas irrelevantes, de manter o foco e a verdadeira persistência, não consegue mudar os hábitos, ter disciplina suficiente para se chegar onde realmente quer.
Só ser incentivado ou motivado não basta! A motivação pode gerar uma empolgação que nem sempre significa ¨querer de verdade¨.  Cada um tem que saber o que realmente deseja, onde quer chegar, o que de fato trará a satisfação profissional ou pessoal. Com determinação, foco e trabalho árduo.
Toda carreira profissional exige isso: Para ser um médico ou advogado, músico ou qualquer profissão, tem que estudar, se dedicar, abrir mão de fazer determinadas coisas em prol do seu sonho e em ter excelência, pra não ser só mais um. Destacar-se!
O esporte é um exemplo claro de persistência. Os atletas de qualquer categoria, seja futebol, vôlei, natação, etc., sabem que no esporte não há passado. Cada competição é um novo início, um novo ciclo. Ganhar um jogo não significa ganhar uma Olimpíada. Cada vitória é uma fase importante e quanto mais o atleta se dedica, totalmente focado no seu objetivo, mais ele persiste e se aproxima da vitória final.
A história do atleta se forma pelo conjunto das suas vitórias e derrotas. E temos vários exemplos que pessoas talentosas que nem sempre alcançaram os melhores resultados, porque não persistiram. Julgaram que a disciplina não era fundamental para se ganhar. E o mundo hoje, cada vez mais competitivo, mostra ao contrário. Quem mais se dedica, mais atinge bons resultados. O resultado positivo vem muito mais da disciplina do que do talento.
Persistir é saber lidar também com as derrotas. É aprender com os erros, afinal só não erra quem não faz. É saber questionar e assumir a responsabilidade pelos nossos erros e assim se aperfeiçoar e continuar em frente.
O técnico Bernardinho, por quem tenho imensa admiração, disse uma vez numa palestra que assisti, que a geração atual é a ¨Geração do Couro¨.  E está certíssimo! Aja visto os resultados que obteve. Com dedicação, trabalho árduo e em equipe, buscou a eficiência e os resultados finais foram os melhores.

Seguem alguns itens fundamentais para se chegar a grandes resultados com a persistência:

1º Emoção: Amor ao que se faz. Tem que ter paixão, ¨tesão¨, sentimento avassalador por conquistar determinada meta.

2º Necessidade: O que é essencial. O que não se pode viver sem. É aquilo que é necessário para se sentir bem. É o que te realiza. É como a sede – quem tem sede tem necessidade de beber água.

3º Determinação: É a capacidade de trabalho árduo. De ¨abrir mão¨ de momentos, situações ou de qualquer coisa para se dedicar ao propósito.

4ª Comprometimento: Fazer a sua parte e ser parte do todo, da equipe. Nunca permitir que o ego ou a vaidade te dominem, porque se tem um comprometimento com algo maior.

5º Acreditar: Jamais desistir por achar que não tem capacidade de realizar. Valorizar-se! Comemorar cada etapa vencida, pois cada ponto é importante na jornada. Desenvolver o senso de merecimento. Acreditar que se pode já é o caminho pro sucesso!

Persista, insista e nunca desista! O final do caminho da persistência é o êxito !


Beijos, Luciene Lima.